CBH Rio Itapicuru empossa novos membros

Por intermédio do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema) foi empossada na última quinta-feira (03/05) os novos membros do Comitê das Bacias Hidrográfica do Rio Itapicuru. A cerimônia que aconteceu na Unidade Regional Piemonte da Diamantina, em Senhor do Bonfim, localizado a 375 km da capital Salvador, também serviu para eleger a nova diretoria visando o quadriênio 2018 – 2022.

O objetivo do processo de renovação é reoxigenar os comitês com uma nova composição de colegiado e diretoria, ampliar a participação dos segmentos garantindo o uso racional da água e a sua preservação.

Representando a diretora geral do Inema, o chefe de Gabinete, Welton Rocha parabenizou os envolvidos na mobilização do comitê e comentou sobre a importância do fortalecimento do colegiado. “Primeiramente queria parabenizar todos envolvidos por esse processo que aconteceu da escolha de todos os membros. A gente sabe que não se consegue fazer uma mobilização 100% como agente gostaria. Seria interessante que todas as entidades atuantes na bacia tivessem aqui representadas, pois só assim temos certeza da força desse comitê. Nós sabemos que o fortalecimento desses comitês é uma decisão do governo, lembrando que o comitê é uma porta de interlocução entre a população e Estado”, enfatizou Rocha.

Já o presidente eleito na nova composição, Gustavo Hees, aproveitou a oportunidade para frisar a relação entre o Inema e o comitê. “É importante deixar claro que o comitê é independente e o Inema tem a função de nos apoiar. Isso é previsto em lei, então nós somos independente. Precisamos pautar o Itapicuru para o Estado, não vamos ficar esperando que o Estado paute. Ao mesmo tempo precisamos ter o Inema como parceiro porque é quem está nos ajudando e é quem realmente precisa encaminhar várias demandas que a gente tem. É nesse espaço que vamos discutir e é essa parceria que vejo interessante para trabalharmos”, disse Hees.

A composição da nova diretoria ficou da seguinte forma: presidente – Gustavo Hees de Negreiro, vice-presidente – Neomizia Santana, primeiro secretário – Richard Silva e segundo secretário – Márcia Regina de Souza Costa

O Comitê – É uma instância colegiada formada por representantes dos poderes públicos (municipal, estadual e federal), da sociedade civil e dos usuários da água (dos setores de irrigação, abastecimento humano, energia elétrica, navegação, lazer, turismo e pesca), também conhecida como Parlamento das Águas, com a competência de promover a gestão participativa das águas.

Eleição – Sob a Coordenação da Comissão Eleitoral e suporte da CODIS, o processo contou com a participação de 61 habilitados dos segmentos Sociedade Civil Organizada e Usuários de Recursos Hídricos, que atenderam às exigências previstas no Edital 01/2018, que baliza o referido processo eleitoral, além de 11 municípios integrantes da bacia.