Balneabilidade apontam 18 praias impróprias para o banho em Salvador

O Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema) informa a balneabilidade das praias avaliadas pelo órgão em Salvador para este final de semana.

O Inema chama atenção para que os banhistas evitem as praias:  São Tome de Paripe (em frente a casa Vila Maria), Tubarão (em frente a antiga fábrica de cimento),  Periperi (na saída do acesso à praia), Penha ( em frente a Igreja Nossa Senhora da Penha), Boa Viagem (ao lado do forte Monte Serrat), Pedra furada (atrás do hospital sagrada familia), Canta Galo (rua agrário Menezes), Farol da Barra (Enfrente a escada de acesso a praia/ próximo ao Barravento), Ondina (próximo ao morro da sereia/ em frente ao posto BR),  Rio Vermelho (ao lado do morro da paciência/ enfrente a Igreja Nossa Senhora de Santana), Armação (em frente ao hotel Alah Mar), Pituba (Em frente a portinox), Boca do Rio (em frente ao Posto Salva Vidas), Corsário (em frente ao posto salva vidas), Patamares (em frente ao Posto Salva-Vidas Patamares), Piatã (próximo ao Clube Costa Verde), Itapuã (próxima a escadaria da praia e enfrente a sereia) e Buraquinho (há 200 metros do Rio Joanes).

De acordo com a resolução Conama, a praia é considerada imprópria quando mais de 20% das amostras coletadas em cinco semanas consecutivas apresentar resultado superior a 1.000 coliformes fecais ou 800 Escherichia coli, ou quando, na última coleta, o resultado for superior a 2500 coliformes termotolerantes ou 2000 Escherichia coli ou 400 enterococos por 100 mL de água.

No período em que o tempo estiver chuvoso, as praias podem ser contaminadas por arraste de detritos diversos, carregados das ruas através das galerias pluviais, podendo causar doenças. Além disso, é desaconselhável o banho próximo à saída de esgotos, desembocadura dos rios urbanos, córregos e canais de drenagem.