Inema realiza reunião e mobilização para renovação do CG Marimbus Iraquara

O Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema) realizou entre os dias 14 e 16 de março, nos municípios de Seabra, Palmeiras e Lençóis, mobilização e reunião visando o processo eleitoral para renovação do Conselho Gestor (CG) (biênio 2017 – 2019) da Área de Proteção Ambiental (APA) Marimbus Iraquara.

Na ocasião, técnicos do Inema visitaram comunidades e instituições lotadas nos munícipios para explicar sobre a renovação do Conselho, além de tirar duvidadas e fazer o convite para que os interessados fizessem parte do mesmo.

A gestora da APA, Ana Carolina Delfino Regis, que é lotada na Unidade Regional (UR) de Seabra, afirmou viver expectativa da criação de um Conselho bastante atuante para que através dele os anseios da região seja atendido. “Existe necessidade do fortalecimento do Conselho e, principalmente, para que ele retome as atividades. A população vive a expectativa que ele seja um local de diálogo e interlocução com o Estado e que seja fortalecido por um Conselho forte e atuante. Espero que ao menos a gente consiga essa abertura para discutir essas questões e respostas positivas para região”, disse a gestora.

Já a secretária de Meio Ambiente do Município de Lençóis (SEMMA), Rosangela Mendonça Teles, disse que a renovação deve ajudar a dirimir alguns conflitos existentes na região da Chapada.  “Acho ótima essa reformulação do Conselho da APA, pois existe a necessidade tanto de revisar a resolução que criou o zoneamento da APA, quanto de trazer novas responsabilidades para o Conselho. Na minha concepção a gente precisa atuar enquanto existir os conflitos atuais”, afirmou.

Presente na reunião de Seabra, a guardiã da caverna Lapa Doce, Claudia Lima, espera que a união entre os diversos setores envolvidos na gestão possa ajudar na solução dos problemas ambientais envolvendo a região. “A reunião foi muito positiva, foi um bate-papo informal, que é o melhor. A gente trouxe alguns temas e acredito que essa junção do Inema, com comunidade, parceria com gestores, prefeituras e educação a gente pode dar um pontapé bem elevado para conseguirmos resolver esse problema ambiental”, explicou a guardiã.

APA – Área de Proteção Ambiental é uma área em geral extensa, com um certo grau de ocupação humana, dotada de atributos abióticos, bióticos, estéticos ou culturais, especialmente importantes para a qualidade de vida e o bem-estar das populações humanas, e tem com objetivos básicos proteger a diversidade biológica, disciplinar o processo de ocupação e assegurar a sustentabilidade do uso dos recursos naturais (SNUC – Lei 9.985/2000).

APA Marimbus/Iraquara – Localizada na Chapada Diamantina, a APA ocupa terras dos municípios de Lençóis, Andaraí, Palmeiras, Iraquara e Seabra, totalizando uma área de 125.400 ha. Constitui-se num importante instrumento de conservação dos diversos ecossistemas existentes dentro do seu limite, como o pantanal de Marimbus, gerado pela confluência dos rios Santo Antônio, Utinga e São José; a formação geológica calcária, salitre com inúmeras grutas e cursos d’água, além de formação montanhosa, a exemplo do Morro do Pai Inácio e Morro do Camelo.

Veja o edital de convocação clicando aqui.